Revitalização do espaço público, mais um exemplo dado pelo Cursinho Comunitário Pimentas

Cursinho Comunitário Pimentas

Cursinho Comunitário Pimentas

O Cursinho Comunitário Pimentas é um dos poucos trabalhos sociais voluntários que conseguem modificar significativamente a vida das pessoas que por ele passam. Em outra oportunidade já falamos sobre a importância deste trabalho na rotina de milhares de pessoas que direta ou indiretamente foram influenciadas pelo projeto. Mas a relevância do Cursinho não se resume em preparar o jovem para o vestibular com uma formação cidadã. Hoje podemos dizer que este trabalho revitalizou e compartilha com a comunidade um espaço que antes, apesar de público, era abandonado.
O terreno da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), situado na Rua do Poente, 148, no Conjunto Marcos Freire, era utilizado pela Secretaria de Assistência Social para a realização de cursos e outros atendimentos. Porém, por conta da falta de segurança no espaço, frequentemente havia vandalismos, além de constante uso de drogas e até prostituição infantil dentro desse espaço público no período noturno e nos finais de semana. O local também era muitas vezes tomado pela sujeira, e o mato no fundo aumentava a insegurança e reforçava o estado de abandono.
A situação desse equipamento público começou a mudar em 2002, quando o Prof. Rômulo, junto com um grupo de dezenas de voluntários, implantou no local o Cursinho Comunitário Pimentas. Durante alguns anos, o espaço foi compartilhado entre a Prefeitura e o Cursinho, que utilizava o local aos fins de semana. Mas com o passar do tempo, o trabalho do Cursinho foi crescendo e ocupando maior importância dentro do equipamento, o que resultou num importante compromisso com a comunidade da Região dos Pimentas no sentido de cuidar do espaço público e promover ali diversas ações sociais.
Após a instalação do Centro de Integração da Cidadania (CIC) no Conjunto Marcos Freire em 2006, a Prefeitura transferiu para lá as ações da Secretaria de Assistência Social que até então eram desenvolvidas no espaço da CDHU. Assim, o prédio situado na Rua do Poente ficou totalmente aos cuidados dos voluntários do Cursinho Pimentas. E hoje, além do próprio cursinho pré-vestibular, a equipe de voluntários através da associação criada por eles, desenvolve no local, projetos como:
– Educação Ambiental, que compreende reciclagem de resíduos juntados pela comunidade e horta comunitária orgânica com aproveitamento de água da chuva;
– Atividades culturais com incentivo à produção musical e ao teatro, realização de saraus e outros eventos;
– Projeto de incentivo à leitura voltado para crianças, com contação de histórias e outras atividades;
– Curso de informática básica voltado para adultos, que por razões diversas ainda não têm os conhecimentos básicos tão necessários nos dias de hoje;
– Construção e manutenção de uma praça, que é hoje um excelente espaço de convivência para a comunidade e frequentadores diversos do local.

Curso de informática para adultos

Curso de informática para adultos

O espaço ainda é utilizado pelo Poder Público, principalmente para realização de trabalhos em grupo da UBS Marcos Freire. Mas a Prefeitura hoje delega a manutenção do equipamento exclusivamente à equipe do Cursinho, devido ao reconhecido trabalho que desenvolve ali.
Acreditamos que o trabalho ativo de grupos da sociedade civil, como esse do Cursinho Comunitário Pimentas, seja um dos caminhos para a melhoria do bem estar da população. Todos os equipamentos públicos podem, em alguma medida, contar com a participação ativa da sociedade, o que certamente qualifica os resultados, trazendo ganhos para todos.




Você pode deixar um comentario, or trackback from your own site.

Deixe um comentário


Desenvolvido para WordPress | Desenhado por: Douglas Lotto